3.Diferentes modelos e qualidades

Se você nao leu o primeiro post: clique aqui

Se você não leu o segundo post: clique aqui

Nilson Fractucello


Violinos Categoria C

Alguns modelos de Parrot, alguns de Roma, alguns de Cremona, Michael, alguns modelos de Eagle e alguns modelos de Mavis. São violinos feitos com as madeiras corretas, ou seja, Abeto e Atilo. É a categoria mais simples, já que são feitos com madeira de classe C. Ou seja, elas são de madeira correta, mas não são rajadas naturalmente. Seu processo de construção segue a linha de montagem, ou seja, tudo é feito às pressas, e não recebe os devidos cuidados necessários, como medidas e acabamento. Seu verniz é sintético, o que abafa um pouco o som do instrumento.

Eagle VE 431
Madeira: Classe C
Verniz: Classe D
Acabamento interno: Classe C
Acabamento Externo: Classe B
Desempenho: 6,0
Nota final: 6,0
Preço Médio: R$ 320,00

Eagle VK 441
Madeira: Classe C
Verniz: Classe D
Acabamento interno: Classe C
Acabamento Externo: Classe B
Desempenho: 6,5
Nota final: 6,0
Preço Médio: R$ 380,00

Mavis MV 1414
Madeira: Classe C
Verniz: Classe D
Acabamento interno: Classe B
Acabamento Externo: Classe B
Desempenho: 6,0
Nota final: 6,0
Preço Médio: R$ 290,00

Mavis MV 1415
Madeira: Classe C
Verniz: Classe D
Acabamento interno: Classe B
Acabamento Externo: Classe B
Desempenho: 7,0
Nota final: 6,5
Preço Médio: r$ 330,00

Michael VNM47
Madeira: Classe C
Verniz: Classe D
Acabamento interno: Classe C
Acabamento Externo: Classe B
Desempenho: 7,0
Nota final: 6,0
Preço Médio: R$ 380,00

Parrot (não tem modelo de série)
Obs: Por não possuir n° de série, só quem entende de olhar as madeiras acertará sua compra. Violinos abaixo de R$ 190,00, desconfie. É quase certo que é de madeira categoria E. Mas tem uns modelos de Parrot que seguem a categoria C.
Madeira: Classe C
Verniz: Classe D
Acabamento interno: Classe C
Acabamento Externo: Classe C
Desempenho: 6,0
Nota final: 6,0
Preço Médio: R$ 200,00

Nhureson
Madeira: Classe D
Verniz: Classe D
Acabamento interno: Classe B
Acabamento Externo: Classe A
Desempenho: 7,0
Nota Final: 6,0
Preço Médio: R$ 400,00

Violinos Categoria B

Eagles VK 244, VK 644, VE 744, Mavis e Michael. São violinos feitos com as madeiras corretas, mas essas, de classe B. São naturalmente rajadas, e mais selecionadas. O processo de fabricação é o mesmo, mas recebe um pouco mais de cuidado que a linha anterior, mas ainda assim podem vir com espessura de tampo incorreta. Seu verniz também é sintético, mas um pouco mais fino que o da categoria anterior. Seu acabamento é visivelmente melhor, mais bem-feito, o que dá uma beleza extra ao instrumento. A sonoridade é um pouco mais apurada.

Eagle VK 244

Madeira – Classe B
Verniz – Classe C
Acabamento Interno: Classe B
Acabamento Externo: Classe A
Desempenho: 7,0
Nota final: 7,0
Preço Médio: R$ 480,00

Eagle VK 644
Madeira – Classe B
Verniz: Classe C
Acabamento Interno: Classe B
Acabamento Externo: Classe A
Desempenho: 7,0
Nota fina: 7,0
Preço Médio: R$ 580,00

Eagle VE 744
Madeira: Classe A
Verniz: Classe C
Acabamento Interno: Classe B
Acabamento Externo: Classe A
Desempenho: 7,0
Nota final: 7,0
Preço Médio: R$ 680,00

Mavis MV1416
Madeira: Classe B
Verniz: Classe B
Acabamento interno: Classe B
Acabamento Externo: Classe A
Desempenho: 7,5
Nota final: 7,0
Preço Médio: R$ 690,00

Violinos Categoria A

Antigos de fábricas hoje extintas, como a Alemã Hofner, por exemplo, e alguns modelos profissionais de fábricas atuais. São violinos feitos de madeira classe A. Têm um processo de fabricação mais artesanal, mas não totalmente. A madeira é selecionada e possui um rajado natural. O acabamento é visivelmente bom, e o verniz é sintético, mas mais refinado. Por serem usados, possuem um som mais amadurecido. Possuem som limpo, com volume e equilibrado. Geralmente são alemães, italianos, franceses ou da Tcheco Eslováquia.

Eagle VK 544
Madeira: Categoria A (fundo inteiriço)
Verniz: Classe C
Acabamento Interno: Classe A
Acabamento Externo: Classe A
Desempenho: 7,5
Nota Final: 8,5
Preço Médio: R$ 800,00

Mavis MV 1421
Madeira: Classe A
Verniz: Classe B
Acabamento interno: Classe A
Acabamento Externo: Classe A
Desempenho: 8,0
Nota final: 8,5
Preço Médio: R$ 1.200,00

Hofner (ano 2000 para baixo)
Madeira: Classe A
Verniz: Classe B
Acabamento interno: Classe A
Acabamento Externo: Classe A
Desempenho: 8,5
Nota final: 8,5
Preço Médio: R$ 1.600,00

Gianini
(ano 1980 para baixo)
Madeira: Classe A
Verniz: Classe B
Acabamento interno: Classe A
Acabamento Externo: Classe A
Desempenho: 8,0
Nota final: 8,0
Preço Médio: R$ 1.800,00

Violinos Categoria AA

Violinos feitos por autores, ou luthiers. O preço vai depender do nome, idade, da madeira, da conservação e do potencial e qualidade de som do instrumento. Todos feitos de madeira classe AA, selecionadíssimas, rajadas vivas, acabamento impecável, feitos à mãos, com suas medidas internas corretas, calibradas e bem-acabadas. O verniz é feito à base de óleo ou de álcool, dependendo do autor, mas o a óleo é melhor e mais bonito. Possuem som limpo, com volume e bem equilibrado. São réplicas ou não de violinos famosos, como Stradivarius, Amati, Stainers, Guarnieris ou outros famosos italianos, alemães e franceses.

Violinos categoria AA

Qualquer um, feito por bom Luthier
Madeira: Classe AA
Verniz: Classe A
Acabamento Interno: Classe A
Acabamento Externo Classe AA
Desempenho: 9,0 a 10,0
Nota final: 9,0 a 10,0
Preço Médio: Acima de R$ 3.000,00

6 comentários sobre “3.Diferentes modelos e qualidades

  1. Gostaria de saber o que o amigo acha do EAGLE VK 144 bem como o EAGLE elétrico 209. Aguardo vossa valiosa resposta… Att. Clóvis

  2. olá israeldutra! Li seu artigo sobre tipos de violinos e achei excelente. eu toco viola a 5 anos e agora comecei a tocar violino por opção, mas meu instrumento mesmo é viola, inclusive eu toco em uma igreja que frequento. Comprei um violino que é uma replica de um guarneri 1727, muito bom o som dele, coloquei um bom jogo de cordas e uso um arco de pau brasil. Só que ele (violino) eu comprei sem verniz. e ele tem um ótimo som assim mesmo. Estava pensando em mandar um amigo meu que é luthier (muito profissional esse amigo meu) passar o verniz nele. Alguns amigos violinistas disseram que o verniz poderia “abafar” o som. Gostaria de saber se isso é verdade e qual sua opinião. Obrigado

    • Oi Jonatas, a maioria dos artigos aqui publicados a esse respeito não são de minha autoria. Mais precisamente do Nilson da comunidade Cordas e Arcos.

      Mas respondendo sua pergunta:
      Querendo ou não tudo interfere no instrumento. É bom ter certeza do que vai fazer pra não se arrepender. O tipo de verniz e até mesmo a forma de aplicação podem sim, se não utilizados corretamente, abafar o som.

      Obrigado por sua visita e colaboração, visite a nova página http://violinovermelho.com.br e continue usufruindo do conteúdo. Volte sempre!😉

  3. Eu tenho um violino Olla modelo R 70 VN
    Série JEK,você poderia me falar algo sobre esse violino?,eu tenho ele vai fazer uns 15 anos.Tos as informações do site são otimas.agradeço se tiver alguma sobre meu vioino.

  4. Israel, o seu artigo é legal como referencia mas tá faltando os violinos da marca pearl river. não tenha ainda um desses mas em forums nos EUA estão sendo comparados à violinos de US$1500 custam cerca de usd150, no brasil r$200 – r$500, ou seja aparentemente são instrumentos fantasticos. os de r$200 tem fundo de mapple rajado colado, os de r$400 tem fundo integral, acho que o seu review estaria muito mais completo com a classificação desses instrumentos gostaria de ver como ele se compara com os que vc colocou no quesito custoxbeneficio

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s